AdobeBridgeBatchRenameTemp14NT_Acai_caro
Marca com fundo-15.png

NOSSAS RAIZES

8618334e-262a-486c-a823-a101386b7812.jpe

Onde tudo começou... 

Nossa Historia começa na Ilha do Ipanema, localizada no município de Afuá, estado do Pará, no coração da Amazônia, que desde a década de 1940 foi o berço da tradicional família portuguesa, os Ferreira da Silva (in memoriam), que tornaram-se grandes empreendedores na produção da borracha. 

Após o falecimento dos mesmos, o filho empreendedor Antônio Ferreira da Silva (in memoriam) montou uma fábrica de palmito na Ilha de Ipanema, assim, dando início ao primeiro empreendimento que utilizava um dos derivados do açaizeiro.  Após seu falecimento, seu filho Antônio Ferreira da Silva Júnior (conhecido como Nico), assumiu os negócios e deu continuidade à fábrica, assim como passou a comercializar o açaí in natura. No final da década de 1990 a referida indústria foi finalizada, dando continuidade aos negócios relacionados a venda de açaí em grãos. 

Antônio Ferreira da Silva Júnior (Nico), após ter conhecimento sobre a descoberta do café do grão do açaí, passou a vislumbrar esse produto como um novo empreendimento. Dedicou-se a estudar e pesquisar sobre o café.

Impulsionado pelo ímpeto empreendedor, Nico queria trazer essa enorme descoberta para o mercado. Porem, era necessário mais conhecimento e capital para a construção da fabrica e outros investimentos necessários. Foi nesse momento que ele teve a ideia de envolver irmãos e sobrinhos no projeto de fabricação.

Os irmãos e sobrinhos ajudaram a chegar no nome Raízes do Açaí, mas foram as sobrinhas Rosilan Farias (Administradora) e Ranna Farias (Publicitaria) que mergulharam de cabeça nesse empreendimento, planejando, estruturando e lançando o palmito e o café do grão do açaí no mercado. 

Quem somos...

Somos uma indústria fabricante de produtos derivados da palmeira do açaí. Nossa empresa foi pensada e projetada para uma produção sustentável, buscando incorporar alternativas para minimizar os impactos ambientais e sociais durante a cadeia produtiva.

O uso da energia solar na empresa é a garantia da ausência da emissão de gases nocivos na atmosfera. O reaproveitamento do grão do açaí contribuirá com a mitigação da questão residual, que ao invés de ter a destinação final no meio ambiente, irá se transformar em prazer pessoal na degustação de um saboroso café.   

A missão da empresa é transformar de maneira sustentável os derivados da palmeira do açaí em produtos que atendam as expectativas dos consumidores em relação a qualidade, novidades e preços justos que possam promover acessibilidade a sociedade.  A empresa Raízes do açaí pretende entrar no mercado para agregar valor ao açaí e mostrar ao mundo suas variações e benefícios. 

90e70d73-4328-4199-820d-cee1e43976be.jpe

NOSSOS PRODUTOS

8cc958c0-c46e-4835-bee4-abbe5e679138
5a81a9e2-6963-45f9-bdaa-e9a6bc130ed0
7bb062b2-0e37-4d2d-a2aa-9f18b627670f
6c73b1e4-ac4b-4738-9874-309c09e4242e
e3ff54b2-0bd4-45e4-892a-faffaf487942
915a4578-0f14-4dc8-a5e0-9ef931af5986

            Café Grão do Açaí             

cd018218-e35d-44a7-a58d-e04ce6909128.jpe

Após o processo de despolpamento, o grão do açaí passa pelo processo de higienização e secagem dos grãos, ate ficar com essa aparência. 

8cc958c0-c46e-4835-bee4-abbe5e679138.jpe

Com os grãos limpos e secos, eles passam para o processo de torrefação e moagem, seguindo um rígido controle do nosso padrão de qualidade.    

6c73b1e4-ac4b-4738-9874-309c09e4242e.jpe

Após a moagem, é a hora de pesar, embalar, rotular e lacrar a embalagem, certificando-se de que a mesma esteja bem fechada, prezando pela manutenção do aroma e sabor do café.

e3ff54b2-0bd4-45e4-892a-faffaf487942.jpe

Pronto, agora o café esta preparado para ser consumido do jeito que você quiser, coado, espresso, com açúcar, sem açúcar, com leite ou sem. O que importa é aproveitar o momento.

           Palmito do açaizeiro            

Após o desbaste da palmeira, ela passa por um processo de descascamento, deixando apenas a parte central que é a mais macia. Logo depois, o palmito cru entra para o método de higienização.

c289ebdd-350d-44c0-87d7-87b4bc75401e.jpe

Já limpo, o palmito vai para a mesa de corte e em seguida passa para a fase de envasamento, onde e inserido os palmitos e o liquido conservante dentro do vidro. 

Já dentro o vidro, o palmito vai para um processo de cozimento. Depois de cozido ele fica de quarentena por pelo menos 7 dias, para só assim ser comercializado. 

Agora sim, ele está pronto pra você usar nas suas receitas do jeito que quiser. 

Venha nos visitar

Contatos

empresaraizesdoacai@gmail.com

Tel (91) 99197-7095​​

Contato

Av. Bernardino de Campos, 98 - São Paulo

Tel: (11) 3456-7890

Obrigado pelo envio!

4b2b21e5-b936-4af3-beab-e40881e0d26a.jpe
7bb062b2-0e37-4d2d-a2aa-9f18b627670f.jpe